CAMPANHA CONTRA POLIO E SARAMPO ATINGE 27% DAS CRIANÇAS E PROSSEGUE NA CIDADE –

Dos 10.396 aguardados nas unidades de saúde foram vacinados 2.904 contra pólio e 2.844 contra o sarampo

 

A mobilização contra a Polio e o Sarampo, antecipada em todo o Estado de São Paulo para o último sábado (4), atingiu em Marília 27% do público-alvo. As atrações e apelo para o “Dia D” levaram milhares de pessoas às unidades de saúde da cidade. Pais e responsáveis que ainda não procuraram o serviço de saúde têm até o próximo dia 31.

Foram aplicadas 2.904 doses contra a polio e 2.844 contra o sarampo. Devem ser vacinadas todas as crianças que já completaram um ano e têm menos de cinco anos. Segundo estimativas da Secretaria de Estado da Saúde, o município conta com 10.396 pessoas nesta faixa etária.

No sábado, o movimento foi grande na maioria das unidades do município. Além das crianças com a idade indicada, também teve muitos adultos buscando as UBSs e USFs para conferir a atualização da caderneta.

A campanha contou com o reforço na divulgação, com envolvimento dos voluntários do Rotary Club (os oito clubes de Marília), por meio da entrega de flyers, exibição de faixas em locais de grande circulação, presença em unidades de saúde e caminhão de som.

A secretária municipal da Saúde, Kátia Santana, acompanhou o início dos trabalhos e visitou as USF Toffoli, USF Santa Augusta, UBS Planalto e UBS Nova Marília. Ela destacou a importância da valorização do programa de imunização.

“O país tem um excelente programa de imunização, mas o que vemos, nos últimos anos, é uma redução da adesão às vacinas, devido à desinformação. Portanto, é um compromisso nosso, de cada servidor da saúde, desmistificar, mostrar a realidade e orientar as pessoas para o risco real da volta de doenças que lutamos tanto para erradicar”, destacou Kátia.

QUEM DEVE SER VACINADO?

Independente se a criança já tomou as vacinas contra pólio ou sarampo, todas estão sendo imunizadas (reforço) nesta campanha. O objetivo do Ministério da Saúde é manter o controle do sarampo, doença que voltou a ter casos registrados no país, principalmente na região norte.

Também é meta nacional manter erradicada a Poliomielite (paralisia infantil), doença que registrou 26 mil casos no país, entre 1968 a 1989 e não apresenta novos casos há quase 30 anos. Porém, a preocupação é mundial, uma vez que o vírus circulou em 23 países nos últimos três anos.

Em Marília, a cobertura vacinal em crianças e adultos tem aumentado nos últimos anos. Em 2017 a BCG (contra a Tuberculose) ultrapassou 100% dos recém-nascidos moradores no município. O alcance da vacina contra a Polio subiu de 64,59% em 2016 para 85,51% em 2017.

A tríplice viral, que havia registrado cobertura de 68,54% (1ª dose) e 51,61% (2ª dose) em 2016, subiu para 81,46% e 73,45%, respectivamente, no ano passado.

SERVIÇO

A relação completa das unidades de saúde do município pode ser acessada no site institucional da Prefeitura de Marília, pelo endereço encurtado https://bit.ly/2J0BdKK link “estrutura organizacional”.

O acesso às vacinas independe do território de residência, porém é importante apresentar caderneta de vacinação e o cartão do SUS. A Secretaria Municipal atende pelo (14) 3402-6500.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *