Na Acenbo, cônsul Yasushi Noguchi exalta relação de amizade entre Brasil e Japão

No domingo, 10, encerrada a nona edição do Japan Matsuri – Festival da Cultura Japonesa de Ossaco – o presidente da Acenbo (Associação Cultural e Esportiva Nipo-Brasileira de Osasco), Sussumu Araki, enfim, respirou aliviado. Afinal, a edição deste ano aconteceu cercada por um clima de ansiedade. Não bastasse o cenário de crise que assola o país há algum tempo e que se agravou nos últimos meses, a greve dos caminhoneiros que durou dez dias trouxe ainda mais prejuízos e incertezas ao país.
“Estávamos preocupados, sem dúvida nenhuma, mas felizmente tudo transcorreu dentro do programado”, explicou Sussumu Araki à reportagem do Jornal Nippak nesta segunda-feira, 11. Segundo ele, se a presença de público ficou “pouca coisa abaixo do esperado por causa da situação do país”, por outro lado tivemos novidades que vieram para ficar, como a realização do primeiro Concurso Cosplay”. “Apesar do pouco tempo para organizar, foi um sucesso. Só recebemos elogios”, disse Araki, acrescentando que outro destaque foi o odori apresentado no encerramento de cada dia. “A participação do público foi espetacular, sem contar outras atrações como os cantores Joe Hirata, Karen Ito, Angelaisa e o Takeshi Nishimura entre outros que encantaram a plateia”, observou o presidente, que no sábado, durante a cerimônia de abertura – acompanhada pelo Jornal Nippak – , lembrou que a nona edição do Japan Matsuri “foi preparada com muito empenho pela Comissão Organizadora e pelos mais de 600 voluntários para oferecer aos visitantes o melhor da cultura japonesa nos mais diversos setores”.

Concurso de Cosplay veio para ficar, segundo Sussumu Araki (Aldo Shiguti)
Concurso de Cosplay veio para ficar, segundo Sussumu Araki (Aldo Shiguti)

Sussumu Araki lembrou ainda que a edição deste ano foi dedicada à comemoração dos 110 Anos da Imnigração Japonesa no Brasil. E rendeu homenagens “aos valiosos imigrantes que deixaram sua terra natal e dedicaram suas vidas ao trabalho para o progesso do Brasil”.
Diretor do Bradesco, Olavo Kimura também destacou os 110 anos da imigração japonesa e agradeceu “todos os imigrantes e seus descendentes pela contribuição para com esta nação”.
Após participar de outra cerimônia de abertura, a da 14ª edição do Festival do Japão realizado pelo Instituto Cultural Nipo-Brasileiro de Campinas horas antes, o cônsul geral do Japão em São Paulo Yasushi Noguchi chegou a tempo para dizer que estava impressionado “com a enorme presença nikkei aqui em Osasco e também em ver tanta gente participando desta festa”.

“Isso demonstra que os japoneses estão muito bem adaptados e enraizados em Osasco”, disse Noguchi, explicando que este ano comemora-se o 110º anivesário da imigração japonesa. “Desde que cheguei em São Paulo, em outubro do ano passado, tenho visitado muitas cidades, inclusive Osasco, e estou notando muita presença de nikkei aqui no Brasil, principalmente no Estado de São Paulo, nos mais diversos campos como na agricultura, educação, esportes, medicina, nas artes e em muitos outros campos. Estou muito orgulhoso desta contribuição dos descendentes de japoneses para enriquecer e melhorar a socidedade brasileira”, explicou Noguchi, que também agradeceu a sociedade brasileira pela “calorosa acolhida” aos imigrantes japoneses.

Imperador – Pela primeira vez, o cônsul falou publicamente sobre a abdicação do imperador Akihito no dia 30 de abril de 2019. Ele abordou o assunto ao se referir à cooperação entre os dois países. “No Japão, no ano que vem, vai acontecer muitas mudanças. O imperador do Japão vai abdicar no dia 30 de abril e o novo imperador [Naruhito] vai assumr no dia 1º de maio de 2019, quando também teremos a Copa Mundial de Rugby no Japão. Em 2020, teremos a Olimpíada e Paralimpíada de Tóquio na sequência dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro. Vamos ter muitos acontecimentos nos próximos anos e espero que esta amizade entre Brasil e Japão continue por muito tempo”, disse Noguchi.
Se depender de Osasco, os laços entre os dois países serão fortalecidos ainda mais com a vinda, dentro de dois meses, de uma grande comitiva da cidade japonesa de Tsu, que mantém acordo de irmandade com Osasco.

O prefeito Rogério Lins durante discurso na cerimônia de abertura (Aldo Shiguti)
O prefeito Rogério Lins durante discurso na cerimônia de abertura (Aldo Shiguti)

“Para que a gente torne este evento ainda mais importante e para incrementar ainda mais esta relação entre Osasco e Tsu nós vamos fazer uma revitalização completa na Praça Tsu, que terá um novo projeto paisagístico, com a revitalização da fonte e com carpas e jardim oriental”, prometeu o prefeito Rogério Lins, lembrando que “ali sempre foi um ponto turístico da nossa cidade, onde as noivas iam tirar fotos”.
“Será a nossa homenagem aos 110 Anos da Imigração Japonesa”, disse Lins aoJornal Nippak. O prefeito destacou ainda a importância do Japan Matsuri afirmando que a festa faz parte do calendário do município e “enaltece e divulga a cultura japonesa”. “É um evento que a cada ano que passa se torna melhor e com mais público. Cabe a nós da Prefeitura, pelo respeito que a gente tem pela cultura japonesa, apoiar e ajudar em tudo que for necessário para que a Acenbo continue fazendo este trabalho maravilhoso pela cultura japonesa, pelo esporte e pelo nosso município”, destacou o prefeito.

Sergio Yamato (3º a partir da esq): “Ninguém botava muita fé” (Aldo Shiguti)
Sergio Yamato (3º a partir da esq): “Ninguém botava muita fé” (Aldo Shiguti)

Orgulho – Entrevistado pela reportagem do Nippak, Sergio Yamato, um importante, colaborador da Acendo e de Osasco, disse que “no início, ninguém botava muita fé”. “Hoje estamos na nona edição, firmes e fortes e crescendo a cada ano. A diretoria da Acenbo merece os parabéns. É a maior festa da nossa cidade e motivo de orgulho para todos os moradores”.

Fabio Yamato, Aurélio Nomura e Sussumu Araki com as misses (Aldo Shiguti)
Fabio Yamato, Aurélio Nomura e Sussumu Araki com as misses (Aldo Shiguti)

Também presente na cerimônia de abertura, o vereador Aurélio Nomura explicou que “faltava uma festa grandiosa como essa para a cidade de Osasco”. “ Acredito que essa nona edição vem consolidar definitivamente o Japan Matsuri de Osasco como um dos principais, se não o principal evento de Osasco”, observou Nomura, que parabenizou os organizadores e o prefeito Rogério Lins.

FONTE : JORNAL NIPPAK

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *