Não queime combustível, queime calorias

 

O Dia Mundial Sem Carro aconteceu no último sábado (22/09) em todo o mundo, com o objetivo de estimular uma reflexão sobre o uso excessivo do automóvel e propor às pessoas que, ao menos neste dia, experimentem formas alternativas de se locomover. Foi também o momento de pensarmos sobre a qualidade dos sistemas de transporte público e da estrutura de ciclovias, e de nos articularmos e cobrarmos de nossos governantes a garantia de meios de transportes seguros, inclusivos e não-poluentes.

Marcamos presença em diversas cidades do Brasil. De Norte a Sul, nossa turma de voluntários organizou bicicletadas, ouviu sugestões dos participantes para melhorias de transporte em suas cidades e promoveu atividades para mostrar que mudar hábitos pode ser divertido! Confira abaixo o que fizemos.

Em Recife, o Dia Mundial Sem Carro foi intenso com nossos voluntários e organizações parceiras! O dia começou com um rolê intermodal, com os participantes usando bicicletas, barcos, ônibus, metrô e até os próprios pés para chegarem ao Marco Zero. Ali, rolou um debate sobre as propostas de solução de mobilidade para a cidade e shows com bandas locais.

Em São Luís (MA) e Salvador (BA), o dia foi celebrado com nossos voluntários chamando a atenção de motoristas, ciclistas e pedestres em avenidas bastante movimentadas das duas capitais. Eles instalaram vagas-vivas nas faixas de pedestres e convidaram as pessoas a experimentarem suas cidades de outra forma, seja caminhando, correndo ou pedalando. Também ouviram relatos a respeito de problemas de mobilidade na cidade, como a falta de ciclovias, de transportes alternativos e de segurança, além da poluição do ar.

Vaga viva em São Luís

Vaga-viva em São Luís © Cynthia Carvalho

Nosso grupo de voluntários de Manaus (AM) também promoveu uma vaga-viva em frente ao escritório do Greenpeace. Ocupando lugares que seriam usados para estacionar carros, o evento contou com pintura de camisas, doação de livros e mudas e varal de usados, onde os participantes levavam peças para trocar. Teve também apresentação musical e um espaço dedicado às crianças, com contação de histórias, pintura de rosto e desenhos.

Vaga-viva em Manaus

Vaga-viva em Manaus © Carolina Souza

Para celebrar alternativas de mobilidade urbana não-poluentes, nosso grupo emSão Paulo (SP) participou de uma bicicletada! Antes da partida das bicis da Praça do Ciclista, os voluntários promoveram diversas atividades, como customização de bicicletas, oficina de cartazes e de origamis e entrega de flores de papel com mensagens engajadas, para simbolizar o início da primavera e o florescer de uma mudança de hábitos em benefício de meios de locomoção mais limpos. Em Imbé(RS), nossa turma de voluntários também organizou uma bicicletada na ponte Tramandaí.

Bicicletada em São Paulo

Bicicletada em São Paulo © Natália Ricci

Junto com organizações parceiras, o grupo de voluntários de Belo Horizonte(MG) ocupou uma rua no bairro de Cachoeirinha, transformando-a em uma rua aberta. O trecho foi interditado para veículos, permitindo somente a passagem de pedestres e ciclistas. Rolou bate-papo com quem passava, jogos e outras atividades. Já em Brasília (DF), nossos voluntários montaram um estande no Parque da Cidade e mobilizaram crianças e adultos com doações de livros, atividades infantis e conversas educativas sobre a importância de se reduzir o uso do carro.

Dia Mundial Sem Carro em Brasília

Nossos voluntários em Brasília © Gessivan Oliveira

Uma mostra de cinema com filmes sobre mobilidade, seguida de debate, marcou o Dia Mundial Sem Carro com a nossa galera em Macapá (AP). O evento aconteceu na Universidade do Estado do Amapá (UEAP).

FONTE : GREENPEACE BRASIL

  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *