Por que o Pastor está sabotando seu próprio eu?

Muitas vezes na nossa vida passamos por momentos irrequieto. Problemas que queremos resolver e não conseguimos. Então, é preciso determinação para sair dessa agonia. E é aí que tá o problema, nós mesmos começamos a escravar o nosso egoísmo, avançando assim para o seu próprio eu.

Muitas vezes entramos em apuros, é quando tentamos fugir de emoções e sentimentos negativos. Todos nós já fizemos isso de algum modo, a questão é que alguns praticam isso mais regularmente do que outros. Porque você pensa em fugir do problema em vez de resolvê-lo? Fugir dos próprios sentimentos não traz bem algum, além disso, é uma forma de auto sabotagem que interfere no alcance de suas metas a longo prazo e desestabiliza suas relações.

A cada minuto fazemos escolhas, que podem ou não nos levar ao fracasso; quando se trata de auto sabotagem a procrastinação. A questão é que estamos nos auto sabotando quando fazemos isso, damos desculpas, tentamos justificar nossas ações, e achamos que isso não fará mal algum, mas quando não vamos ao encontro de nossos objetivos pessoais nos sentimos tristes, culpados  e vazios.

Auto-sabotagem não é um ato em si mas um processo complexo que coloca a pessoa contra seus próprios pensamentos e impulsos. Embora todos nós comentemos erros, uma pessoa que se auto sabota tenta corrigir esses erros cometendo-os novamente e com decisões cada vez mais ruins; a pessoa apresenta uma gama de desculpas e pensamentos delirantes para evitar a ação dolorosa e necessária para colocar a sua vida no rumo certo.

É importante ter em mente que a pessoa não nasceu assim, mas se tornou, quem deveria valorizar não o fez gerando uma auto-imagem ruim. Quando fizer alguma escolha analisar com cuidado para ver se é algo bom. Lutar para conquistar, não fomos criados por Deus para sermos derrotados por nós mesmos. Saber que as pessoas são falhas, e que podem errar e nos decepcionar, não exagere nas expectativas. Buscar em Deus e na sua Palavra orientação e apoio, pedir ao Pai para te transformar.

Escolha – Quem se auto- sabota vai escolher pessoas ou situações que podem lhe desapontar, para cada vez mais reforçar sua auto-imagem negativa;

Expectativa – sentimentos e emoções envolvidas com a situação escolhida;

Frustração – Fruto da escolha errada, a expectativa é frustrada e vem a decepção;

Tristeza – A dor é profunda.

Raiva- Por ter dado errado.

Culpar o outro e sentimento de vingança.

Romanos, 12:2
Não se conformeis ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.

Só em Deus é possível mudar referências psicológicas e de sentimentos, e assim experimentar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.

Para mais informações
E-mail: ccpsp2018@gmail.com
WhatsApp: 14988056852
Celular: 14981003557

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *