Prefeitura realiza intervenção em área de preservação ambiental na zona norte

Área foi alvo de uma força tarefa da equipe de limpeza pública em conjunto com a Divisão do Meio Ambiente

A Prefeitura de Marília, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, realizou nova intervenção em área de preservação ambiental. Desta vez a área contemplada localiza-se na rua Leonor Mazalli, esquina com a rua Miguel Morijo Neto, no bairro Santa Antonieta, zona norte do município, que foi alvo de uma força tarefa da equipe de limpeza pública em conjunto com a Divisão do Meio Ambiente.

Na oportunidade, foram retirados entulhos e diversos tipos de resíduos sólidos descartados incorretamente em área de preservação, mantendo a área limpa e evitando a contaminação do solo e conseqüentemente do lençol freático.

Além da limpeza envolvendo máquinas e caminhões, a área foi devidamente cercada e recebeu placas identificativas quanto à proibição do descarte de quaisquer tipos de resíduos no local. Após a ação, a área recebeu em seu entorno o plantio de diversas mudas de ipês amarelos, árvore símbolo do município.

Segundo o secretário municipal do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, Vanderlei Dolce, “essa é uma área que vem sofrendo agressões ambientais há tempos e que periodicamente a prefeitura realiza a limpeza e manutenção. Porém, com essa nova intervenção, acreditamos que os moradores da região se conscientizarão em manter o local limpo e preservado, de forma a ajudar na qualidade de vida dos que residem na região envolvida. Buscamos desenvolver ações que não apenas resolvam o problema imediato, mas que também promovam a Educação Ambiental junto à população, no intuito de preservar para as gerações futuras um meio ambiente sadio e em equilíbrio. Os projetos envolvem ações que durarão por muitos anos, buscando preservar todo ecossistema envolvido, além de dar uma qualidade melhor ao ar e proporcionar uma paisagem mais agradável aos nossos munícipes.”

A Secretaria do Meio Ambiente e de Limpeza Pública vem realizando intervenções ambientais em todo perímetro urbano do município, onde após identificar os pontos crônicos que sofrem agressões ambientais, a Divisão do Meio Ambiente é acionada para elaborar e executar projetos que resolvam o problema, de forma a conscientizar a população da importância em preservar as áreas verdes do município.

“Já realizamos 12 ações como esta apenas neste ano e já temos outras áreas devidamente identificadas para entrarmos com projetos ambientais conforme a característica do local. Esse é um trabalho constante, que não mediremos esforços em executar onde houver necessidade, mas pedimos mais uma vez a colaboração da população, evitando descartes incorretos e ajudando a fiscalizar essas áreas, não permitindo que pessoas alheias ao bom convívio social degradem um patrimônio público que pertence a toda população mariliense. Lembramos sempre que nossas praças e áreas verdes pertencem a todos nós, sendo de responsabilidade de todos zelar pela preservação destes patrimônios públicos”, afirmou Vanderlei Dolce.

Mais informações ou sugestões sobre temas ambientais podem ser feitas através do telefone 3454-3400.

      

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *