Santos prepara 1ª leva de demissões com funcionários ligados a Rollo

O Santos prepara para os próximos dias uma leva de 17 demissões – a grande maioria dos funcionários é ligada ao vice-presidente Orlando Rollo.

Nessa primeira rodada de cortes, o objetivo do Peixe é demitir quem não fará falta e/ou desrespeitou o Código de Ética. Na sequência, com mais calma, cerca de 15 profissionais serão substituídos.

A decisão foi tomada em reunião dos executivos com o presidente nesta segunda-feira e será apreciada pelo Comitê de Gestão. José Carlos Peres conversou com Marcelo Frazão (marketing/comunicação), Ricardo Feijoo (administrativo/financeiro) e Rodrigo Gama Monteiro (jurídico) na Vila Belmiro.

Peres tentará convencer a Rollo a renunciar, mas ele descarta a possibilidade. O vice perdeu os poucos poderes que tinha no clube durante o processo de impeachment e, após portaria divulgada pelo presidente, não pode emitir comunicados internos e não tem mais a ingerência sobre a segurança e esportes olímpicos.

O atual Comitê de Gestão do Santos é formado por Peres, Rollo, Estevam Juhas, Fabio Gaia e Pedro Doria. O presidente definiu quatro conselheiros para preencher o colegiado e espera por aprovação do Conselho Deliberativo.

FONTE : A GAZETA ESPORTIVA

    

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *