17 detentos da Imigração confinados mais de 24h em sala para 6

Na manhã de 18 ocorreu um terremoto de intensidade 4 e os detidos ficaram ainda mais em pânico.

Segundo informações de um representante do Departamento de Imigração, os detidos estrangeiros têm um horário livre no período da manhã. Podem visitar outros detentos, mas às 11h30 é dada ordem para retornarem às suas salas.

As 17 pessoas que estavam nessa sala não teriam atendido à ordem. “Os detidos gritaram e outros chutaram a porta por causa disso. Trancamos a porta para evitar acidentes e para a manutenção da ordem”, justificou.

17 em pânico

Mesmo com esse incidente e com o terremoto, a instituição afirma que não houve nenhum caso de ferimento. Os 17 estrangeiros ficaram confinados até depois das 12h do dia seguinte.

“Com a má ventilação alguns passaram mal. A ocorrência do terremoto, de manhã, nos deixou em pânico”, revelou um nigeriano detido.

A medida do confinamento foi tomada “pela resistência deles”, afirma o representante. “Analisei que não houve danos com o terremoto, por isso julguei que não havia problema em mantê-los confinados”, complementou.

Os estrangeiros que por vários motivos não têm o visto de permanência e já com ordem de deportação são detidos e alocados nessas instalações. São em Osaka, Tóquio, Ushiku (Ibaraki), Omura (Nagasaki), entre outras, no total de 17.

Até o final de agosto eram 1.409 estrangeiros.

FONTE : PORTAL MIE

  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *