A porta que muitas vezes está aberta, permitindo a entrada, é a mesma que impede a saída.

Muitas vezes está aberta e permite a entrada, é a mesma que impede a saída; a porta que hoje oferece uma oportunidade, amanhã pode estar fechada. Os indecisos ficam presos na porta da vida. A porta que era para ser vida virou uma grande preocupação. Essa situação em alguns momentos podem ser definido por nossa escolha, por nossa decisão resolvemos fechar a porta. Em resultado todos os que não entraram na porta da vida, morre na água do dilúvio! Depois da entrada da dúvida tudo se transformou na maior catástrofe, pois morreu a sua confiança, não quisera seguir.

Muitas vezes não conseguimos entender de muita da porta fechada na nossa vida. Já nos encontramos fracos diante de tantas lutas por dias melhores. Quando nos deparamos com aquela sensação que estamos a chegar à conquista, vem a famosa notícia volte depois, ficou no último lugar, a sua hipótese acabou.

O que fazer diante desta circunstância? Meditar!

Conheço as suas obras, eis que tenho posto diante de si uma porta aberta, a qual ninguém pode fechar, sei que tem pouca força, entretanto, guardaste a minha Palavra e não negaste o meu Nome.

(Apocalipse 3:8).

Tem pouca força? Se coloque diante da dificuldade e da dúvida; ninguém pode fechar o que é seu por direito. A coisa não está fácil, está fraco? A força não vem?

Se coloque na sua posição e encontre a razão para seguir.

Quando as coisas não acontecem da forma que esperamos e desejamos, sempre há outra oportunidade. Agora, agora, aprender uma coisa, tente agir de forma diferente. Não se concentre apenas em lamentar com isso, deixa de enxergar o futuro. Seja otimista em relação à vida? Reflita!

Quando fechar as portas daquilo que não deseja? Não continue com as situações, isso pode representar o fim de um de bom relacionamento, de uma oportunidade relacionada a confiar, enfim, das mais diferentes, relacionadas com a vida. Representa o fim de algo que se queria muito, que podia ser concreto ou um plano, e, causa tanta dor. Realmente dói bastante ver o fim de algo que tanto se gostávamos ou sonhávamos, por isso, o sentimento de deceção é uma reação natural ao se deparar com uma porta fechada. Entretanto, é importante que se mantenha os olhos abertos para enxergar as outras portas que se abrem. Nelas, podem haver diversas outras possibilidades para se reinventar, recomeçar e, assim, construir uma nova vida.

Absolutamente tudo na vida oferece alguma reação que podemos aprender, e quando se trata de dificuldade, não é diferente. Quanto mais difícil se está para enxergar, maior será a surpresa. Veja, segue!

Existem muitos casos em que, aparentemente tudo está fechado Então, ao invés de pensar em desistir imediatamente, pergunte-se o que pode fazer para se certificar de que realmente a sua única saída é não resistir, mas a tentativa fará com que aprenda ainda mais. Reflita a respeito das opções que tem e como se sentiria em relação a cada uma delas. Encontre essas respostas no seu coração, tente! É o melhor caminho a seguir.

Nem sempre uma tudo está também trancado, ou seja, caso, não tenha se aberto agora, abrirá no futuro ou com um pouco mais de insistência da sua parte. Contudo, é muito importante que encontre o seu equilíbrio entre ter esperança e parar a sua vida tentando e esperando que essa oportunidade se concretize. Siga, mantenha a atenção a si mesmo, para se certificar de que o que está atrás da porta ainda faz sentido para a si.

Em muitas situações não significam, necessariamente, uma perda. A oportunidade para se conhecer melhor e recomeçar. Manter uma relação apenas por uma questão de costume ou medo de ficar só é o mesmo que desperdiçar todas as suas oportunidades.

Se deparar nesta situação está a impedir de começar ou continuar algo que desejava muito pode trazer bastante sofrimento. Por maior e mais intensa que essa dor pareça ser, ela irá passar. Com o tempo irá aprender que, independente do que tenha acontecido, continue perceber que é muito mais forte do que podia imaginar. Respeite o seu luto, mas não permita que ele se estenda mais do que o necessário e nem que ele impeça a sua visão, para que consiga enxergar as outras portas que se abrirão.

Independente de estar aberta, fechada ou trancada, cada porta tem muito a ensinar-lhe, tanto em relação aos acontecimentos, quanto à forma que se sente em relação a cada um deles. Aproveite cada experiência vivida para se fortalecer, rever as suas atitudes, identificar falhas e acertos, entender os seus sentimentos e emoções. Através dessa consciência poderá se desenvolver e se tornar cada vez mais forte. Então, terá sabedoria para valorizar e aproveitar essas hipóteses e, também, construir as suas próprias portas para realizar tudo o que deseja.

A vida conta com uma infinidade de portas esperando para serem abertas. Por isso, evite se lamentar quando uma delas estiver fechada, pois, existem diversas delas esperando para serem abertas e ensinar-lhe a aprender. Acredite na sua força, então conseguirá identificar. Continue a caminhar e seguindo, pois, tem total capacidade de construir a sua própria vida e conquistar o impossível.

Nunca se esqueça de que o Senhor deseja o melhor, aproveite esta oportunidade!

Deus abençoe!

Pr. Josivaldo Lyra.

CCPSP

CAFÉ COM PASTORES — SP

E-mail: ccpsp2018@gmail.com

WhatsApp: 14 988 056 852

Celular: 14 981 003 557.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *