Aluna de curso de japonês em Marília é aprovada em exame de proficiência

Natural de Osvaldo Cruz, mas radicada atualmente em Marília, Luana Donati foi aprovada no exame de proficiência no idioma japonês (N4) necessário para que os descendentes de 4ª geração (yonsei) possam adquirir o visto de residência no Japão.

Luana nasceu em Osvaldo Cruz (distante 120 km de Marília) viveu no Japão entre os seus 4 e 8 anos de idade, na província de Nagano,na cidade de Suzaka-shi,tendo depois desse período retornado ao Brasil.

Aluna do professor Dante Tachibana,há cerca de 1 ano, Luana já estudava japonês sozinha ,porem procurou o professor para aperfeiçoar seu idioma.

Segundo Luana o teste não foi tão difícil, pois ela havia se preparado bem para o exame que é aplicado apenas 1 vez por ano no Brasil, em diferentes cidades,(ela fez  o teste em Londrina no Paraná)  a maior dificuldade foram os kanji (ideograma de origem chinesa,mas usado no idioma japonês ).

Um provável retorno ao Japão esta nos planos, porem sem uma data definida, mas a aprovação no difícil exame á deixou muito feliz.

Formada em design de interiores, e com vários cursos na área de estética, caso venha a retornar ao Japão, Luana não pretende ficar somente trabalhando em fabrica, um de seus objetivos é poder atual em sua área de formação.

Vale ressaltar que o visto para a 4ª geração foi uma conquista do ex- deputado Walter Ihoshi (PSD) que durante anos lutou para que os bisnetos de japoneses tivessem o direito ao visto de permanência no Japão, o visto passou a ser emitido a partir de julho de 2018 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *