Área denunciada com escorpiões na Zona Norte foi limpa há menos de 15 dias.

Lixo doméstico e de construção civil foram jogados pela própria população

A Prefeitura de Marília, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, limpou a área no Jardim Renata, zona norte da cidade, que foi denunciada por moradores e pelo grupo SICOE (Sistema Integrado de Comando e Operação em Emergência) há menos de 15 dias. De acordo com a denúncia realizada nessa quarta-feira, dia 10, no local foram encontrados escorpiões em meio ao lixo doméstico e resíduos da construção civil, inclusive fazendo vítimas menores de idade que moram pelo local.

A Prefeitura de Marília através da secretaria e do setor de fiscalização foi até o local para conferir a situação in loco. O terreno fica no final da Rua Olindo Trali no entroncamento com a Rua Luiz Carlos Ferrari, na Zona Norte de Marília.

A equipe encontrou muito lixo doméstico, resíduos da construção civil e muita madeira jogada pelo local. A assessoria de imprensa chegou a procurar moradores para falar com a reportagem, questionando-os quem havia jogado o lixo pelo local, porém ninguém quis se manifestar oficialmente, mas indicaram que os próprios moradores do bairro e de outros locais jogam lixo no local.

Vale lembrar que parte da área onde jogam o lixo é uma APP (Área Preservação Permanente), inclusive, ela está cercada e protegida conforme a lei. No local existe uma nascente de água.

De acordo com o secretário do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, Vanderlei Dolce, isso tem ocorrido em vários pontos de Marília. “Nós limpamos a área e no outro dia, moradores do próprio bairro e de outros locais da cidade jogam lixo novamente. Fica a impressão de que estamos trabalhando sem resultados para proporcionar uma qualidade de vida melhor para a população”, disse o secretário.

Segundo o secretário, essa área específica área será limpa na próxima sexta-feira, dia 12. “Precisamos do comprometimento de toda a nossa população se não fica muito difícil manter a cidade limpa evitando a infestação de animais, como o escorpião, nocivos a nossa saúde. Caso veja alguém descartando algum lixo irregular, tire foto ou faça um vídeo e nos encaminhe que vamos tomar as devidas providências”, disse Dolce.

De acordo com a lei, a multa para quem joga lixo e entulhos em terrenos baldios é de R$ 561,33 – a mesma é garantida através da Lei Complementar 13/92 de 13 de janeiro de 1992. Para mais informações e solicitação para limpeza em áreas públicas ou pedido de fiscalização em áreas particulares, o telefone para contato é 3408-6700.

FONTE : REUTERS BRASIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *