Associação Japonesa de Sumô reconhece erro ao lidar com caso de lutador com influenza

A Associação Japonesa de Sumô reconheceu que errou ao permitir que um lutador subisse ao ringue depois de ter sido diagnosticado com influenza.

Segundo a entidade, o lutador Takagenji sentiu-se mal e foi ao hospital no dia 11 de dezembro, durante uma turnê regional na cidade de Saga, no sudoeste do país.

Takagenji informou aos organizadores da turnê sobre o diagnóstico, mas subiu ao ringue no mesmo dia.

A turnê regional durou de 1º a 15 de dezembro, e vários lutadores se ausentaram devido à epidemia de influenza.

Shibatayama, diretor de relações públicas da Associação Japonesa de Sumô, admitiu que a entidade não lidou com a questão de maneira apropriada.

A Associação Japonesa de Sumô afirmou que vai assegurar que lutadores e outras pessoas concernentes sejam isoladas imediatamente, caso sejam diagnosticadas com a doença.

Já o chefe da Agência de Esportes do Japão, Daichi Suzuki, questionou a maneira como a entidade lidou com a questão. Ele disse que, segundo as normas, os pacientes de influenza devem ser separados de outros até que se recuperem.

FONTE : NHK PORTUGUÊS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *