Campeão em 1979, Maquinho vai participar pela 21ª vez da Copa SP Jr.

Campeão em sua primeira participação na Copa São Paulo Junior (1979), em 2020 o Marília Atlético Clube (MAC) vai disputar sua 21ª edição, sendo a quinta de forma consecutiva. De 2016 para cá, Marília foi uma das sedes e o Alviceleste sempre passou da 1ª fase.

Por duas vezes o time chegou até a 3ª etapa (2016 e 2019), realizando a segunda melhor campanha da história e curiosamente em ambas a eliminação foi para o Cruzeiro-MG.

A estreia em 2020 será nesta sexta-feira (dia 3), às 17h, contra o Olímpico-SE, no estádio Bento de Abreu. Logo na sequência (19h15) jogam Santos x Timon-MA. Os quatro times formam o ‘Grupo 2’.

Todos duelam entre si em turno único e os dois primeiros se classificam para a 2ª fase. Tricampeão da Copinha (1984, 2013 e 2014), o Peixe é o favorito da chave, mas em 2019 não passou da 1ª fase.

O meia Matheus Coruja defendeu o Maquinho na edição deste ano e deverá novamente ser titular. Ele declarou que por jogar em casa, a equipe tem a obrigação de passar da 1ª fase.

“Por sermos sede e pelo grupo que caímos, temos sim a obrigação de passar. Nosso objetivo é chegar mais longe dessa vez”, comentou. Coruja disse estar mais maduro para a edição 2020. “Esse ano foi muito bom para mim, treinei com o profissional e disputei várias competições pelo clube. Espero que essa minha experiência possa ajudar minha equipe”, frisou.

O meia comparou o atual elenco com o de 2019. “Tínhamos um time muito bom, mas vejo que para o ano que vem temos mais peças de reposição à altura dos titulares”, avaliou. Matheus Coruja jogou quatro dos cinco jogos da Copinha desta temporada e marcou um gol, na vitória de 2 a 0 sobre o Babaçu-MA.

Provável titular em 2020, o lateral-esquerdo Felipe Mello, de 17 anos, é um dos mais jovens do grupo e não vê a hora da competição começar. “Muito ansioso por esse momento, pois todo jogador que jogar uma Copinha. Mesmo jovem estou bem preparado, pois joguei pelo profissional esse ano (três jogos). Nossa chave não é fácil, mas temos a obrigação em passar da 1ª fase e acho que o Santos também vai nos respeitar, pois Marília tem tradição na Copinha e uma equipe muito forte também”, revelou.

28 inscritos

Dos 28 jogadores inscritos pelo MAC na Copinha, metade (14) deles vai disputar a última edição (nascidos em 2000). Dos outros 14 atletas, nove ainda terão mais uma pela frente (2001) e cinco mais duas participações.

O elenco maqueano será comando pelo técnico Tupãzinho, que foi contratado há menos de um mês, para substituir Daniel Sabino, que acertou com o Primavera de Indaiatuba, para a disputa do Campeonato Paulista da Série A-3.

O novo treinador prefere não revelar qual será o time titular para a estreia nesta sexta-feira, mas em um dos últimos treinos trabalhou com a seguinte formação: Caio; Dagoberto, Alexandre, Alisson e Felipe Mello; Danilo, Anderson Tico e Matheus Coruja; Diego Carvalho, Liniquer e Gustavo Nescau.

FONTE : JORNAL DA MANHÃ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *