Chuvas e deslizamentos de terra deixam mais de 190 mortos e dezenas de desaparecidos no Japão

Mais de 190 pessoas foram registradas como mortas em consequência do pior desastre relacionado a condições meteorológicas ocorrido no Japão em décadas. Dezenas de pessoas continuam desaparecidas e cerca de 6 mil se encontram em centros de evacuação uma semana depois das chuvas torrenciais que causaram inundações e deslizamentos de terra.

As pessoas em uma das províncias mais afetadas, Okayama, estão tentando limpar suas casas, mas a tarefa é extremamente árdua.

Pelo menos 15 mil casas e edifícios na província foram danificados.

Por toda a região, centenas de milhares de moradias estão sem abastecimento de água, em meio a sérias condições de alta temperatura e alto teor de umidade.

O premiê Shinzo Abe declarou que planeja oferecer fundos adicionais de mais de 300 milhões de dólares para as áreas afetadas pelas inundações e deslizamentos de terra.

Abe disse na quinta reunião da força-tarefa de emergência realizada na sexta-feira que o governo fará antecipadamente a alocação dos impostos, em um total de cerca de 311 milhões de dólares, para 58 municipalidades, principalmente na parte oeste do Japão. Ele as exortou a usar o dinheiro para aliviar a vida dos residentes e para as obras de reconstrução.

O governo já decidiu fornecer fundos de reserva no total de aproximadamente 18 milhões de dólares do orçamento do país.

FONTE : NHK PORTUGUÊS 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *