Cônsul-geral do Japão em São Paulo visita o Cerejeiras Festival e empresas da cidade

A 33.ª edição do Cerejeiras Festival foi marcada por vários momentos de prestígio e, um desses foi a visita do cônsul-geral do Japão em São Paulo, Yasushi Noguchi que, pelo segundo ano consecutivo, prestigiou o evento. Desta vez, a maior autoridade do Japão no estado, também conheceu a cidade, indústrias e um pouco da cafeicultura garcense.   

“Estou muito feliz de estar outra vez aqui em Garça. Participei da abertura do Cerejeiras Festival, uma cerimônia muito bonita. Fiquei impressionado com a participação das pessoas, não somente de Nikkeys. Espero vir outra vez a Garça e assistir novamente ao Cerejeiras Festival”, comentou o cônsul.

“Pelo segundo ano consecutivo nós tivemos a honra de receber o cônsul-geral do Japão em São Paulo, Yashushi Nogushi. É uma satisfação muito grande para o município de Garça. Nós ainda estreitamos mais esse laço do consulado com a colônia japonesa de Garça e também com o nosso Cerejeiras Festival”, disse o presidente do Cerejeiras Festival 2019, Shigueki Koyama.

O prefeito João Carlos dos Santos também agradeceu a visita do cônsul a Garça.

“Para nós é uma honra receber novamente o cônsul-geral do Japão em São Paulo, Yasushi Noguchi. A vinda dele reforça a importância da continuidade do formato de trabalho que estamos desenvolvendo no Cerejeiras Festival, pois a nossa festa está inclusa e é reconhecida como um evento de turismo no estado de São Paulo e se transformou em um dos maiores eventos da colônia japonesa no Brasil”.  

Conforme divulgado pela assessoria de Comunicação, o cônsul também visitou várias empresas, onde ficou evidenciado o potencial econômico do município e o trabalho desenvolvido em Garça.

“Foi importante mostrar ao cônsul o nosso potencial, pois na oportunidade anterior em que esteve em Garça visitou somente o Cerejeiras Festival, mas dessa vez se interessou em conhecer as nossas indústrias. Empresas que têm um vínculo muito grande com o mercado nacional e com produtos sendo exportados, inclusive para o Japão. O cônsul também teve a oportunidade de visitar uma propriedade de café, fazer degustação, provar cafés de qualidade, deixando muito claro que desconhecia todo esse potencial e a influência da cafeicultura de Garça no cenário nacional. Então, é importante que autoridades como essa, que representam o governo do Japão e seus interesses no Brasil, reconheçam na cidade de Garça um grande parceiro para o futuro”, completou o prefeito João Carlos.

O cônsul-geral também falou sobre as visitas as indústrias.

“Pudemos visitar as fábricas, conhecer a atividade econômica empresarial aqui de Garça. Fiquei impressionado com a PPA, Full Time, Deusa Alimentos e também com a Fazenda União. Acho que Garça tem atividade econômica industrial muito grande, inclusive com a Deusa exportando farinha de mandioca para o Japão. Então, estou muito feliz ao observar essa ligação econômica entre Japão e Garça. Espero que essa ligação continue e se fortaleça ainda mais no futuro”, falou o cônsul finalizou.  

Segundo o divulgado pela assessoria, Garça possui aproximadamente 14 empresas exportadoras e um potencial grande para aumentar esses índices. O faturamento com as exportações no ano de 2018 atingiu US$ 39,94 milhões. Os principais destinos dos produtos garcenses são a Itália (13%), a Alemanha (12%), a Argentina (11%) e o Japão (7,6%). Liderando o ranking dos produtos que saem de Garça para fora do país está o café, com 69% do montante exportado.

FONTE : GARÇA ON LINE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *