Deslizamento de terra em mina deixa pelo menos 113 mortos em Mianmar

Pelo menos 113 pessoas morreram nesta quinta-feira em um acidente ocorrido em uma mina de jade localizada no norte de Mianmar, após um deslizamento de terra ter soterrado um grupo de mineiros irregulares, segundo informações das autoridades locais.

O evento ocorreu quando os mineiros extraíam jade das encostas escavadas em uma mina em Hpakant, uma cidade remota no estado de Kachin, informou o corpo de Bombeiros de Mianmar em sua página no Facebook.

De acordo com esse órgão, o acidente ocorreu por volta das 8h (hora local). Os bombeiros afirmaram que a princípio são 113 mortos, mas que até o momento recuperaram apenas 26 corpos.

Hiete Ko, de 38 anos e morador da região, disse à Agência Efe que viu pelo menos 100 corpos no local, embora isso não tenha sido oficialmente confirmado.

Acidentes nesses locais são comuns no país. Em abril do ano passado, pelo menos 54 pessoas morreram devido a um deslizamento de terra em outra mina de Hpakant.

A ONG Global Witness denunciou em 2015 a situação precária em que os caçadores de jade trabalham em alguns depósitos que, entre outros grupos, exploram organizações guerrilheiras, senhores da guerra, traficantes de drogas e militares.

Mianmar é o maior produtor mundial de jadeíte, uma variedade premiada de jade que é extraída principalmente nas montanhas Kachin.

FONTE : EFE BRASIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *