Em Marília, deputado federal Walter Ihoshi destaca amizade entre os dois países

Um momento histórico para a a cidade. Assim definiu o deputado federal Walter Ihoshi (PSD-SP) a visita da princesa Mako à Marília, no último dia 22. Ela chegou à cidade às 14h30, vinda em um voo comercial, e seguiu viagem rumo à Promissão um pouco depois das 17h15.
O prefeito Daniel Alonso acompanhou Sua Alteza Imperial em todos os momentos. Mais de 600 pessoas lotaram o Teatro Municipal Waldir Silveira Mello e o Paço da Prefeitura para recepcioná-la.
O primeiro compromisso da princesa Mako na Capital Nacional do Alimento foi no Teatro Municipal, onde lá, juntamente com uma comitiva de quase 20 pessoas, foi recebida por autoridades do Brasil.
Já no palco, ocorreram os protocolos legais, como saudações à representante do chefe de Estado e também o canto dos hinos nacionais do Japão e do Brasil. A organização de todo o evento contou com membros voluntários do Consulado Japonês, Nikkey Marília, Câmara Municipal e Prefeitura de Marília.
O primeiro a discursar foi o presidente do Nikkey Marília. Dr. Keniti Mizuno. Em entrevista, ele falou sobre a organização do evento. “Este evento foi desafiador. A comissão trabalhou unida, em harmonia, trocando ideias. Apesar das dificuldades da língua e costumes, muitos que ajudaram são voluntários e não dominam a língua japonesa, mas foi muito bom trabalharmos juntos com o consulado, apreendemos muito, são pessoas sinceras e muito organizadas”, disse.

Significado especial – Um dos principais articuladores da visita da princesa Mako à região da Alta Paulista e também no Noroeste Paulista, o deputado federal Walter Ihoshi (PSD-SP) destacou a importância da visita. “Hoje é um dia muito especial para nós de Marilia, cidade que me adotou e me acolheu. Hoje estamos tendo a oportunidade de receber Sua Alteza Imperial, a princesa Mako. A presença da princesa Mako tem um significado muito especial. É o carinho, o respeito e a consideração pela comunidade nipo-braileira do interior do Estado de São Paulo, mas sobretudo daqui da cidade de Marília. O gesto que ela faz, através da Família Imperial, demonstra o apreço aos pioneiros que aqui chegaram há 110 anos, trabalharam, educaram seus filhos e hoje todos nós nipo-brasileiros de Marília estamos totalmente integrados à sociedade brasileira”, destacou Ihoshi, que em maio deste ano recebeu, da Câmara Municipal de Marília, por iniciativa do vereador Marcos Rezende, o título de “Cidadão Mariliense”.

Carinho – O parlamentar, que acompanhou a comitiva oficial da princesa Mako em Promissão e em Araçatuba, disse que “os valores japoneses deixados pelos pioneiros são os principais legados que podemos deixar para as futuras gerações”. “Crianças e jovens, muitos descendentes e não descendentes, feições ocidentais tocando taiko, tocando música japonesa. É assim que a comunidade nipo-brasileira de Marília e região tem levado a cultura, mas principalmente os valores. Celebrar com gratidão àqueles que trouxeram a imigração japonesa à Marília, àqueles que ajudaram a construir a nossa nação, o nosso Estado e a nossa cidade, mas sobretudo olhar para o futuro com a grande amizade que nós temos, entre o Brasil e o Japão, construir dois países amigos e irmãos”, observou Ihoshi, que finalizou com um agradecimento à princesa. “Parabéns Sua Alteza Imperial, princesa Mako, nossa gratidão profunda, o nosso agradecimento pelo carinho de Vossa Alteza”.

Prefeito entrega título de Hóspede Oficial do Município (Masayuki Fukasawa)
Presidente da Câmara Municipal de Marília, Delegado Damasceno entrega título de Visitante Ilustre para a princesa Mako (Masayuki Fukasawa)

Hóspede Oficial – Já o prefeito Daniel Alonso falou sobre a data das comemorações dos 110 anos da Imigração Japonesa no Brasil. “Hoje é um dia de muita alegria por lembrarmos de uma história de pioneiros que acreditaram no nosso Brasil, na nossa região e especialmente na nossa querida cidade de Marília. E deixaram um legado de humanidade, repleto de sonhos, esperança, de muita dedicação, engajamento e empenho e também de lágrimas e suor. O Brasil deve muito à cultura japonesa, melhorou muito o nosso país da chegada dos imigrantes”, disse.
Ainda no palco a princesa Mako recebeu das mãos do prefeito Daniel Alonso o título de Hóspede Oficial do Município. Do presidente da Câmara de Vereadores, Delegado Wilson Damasceno, ela recebeu o título de Visitante Ilustre de Marília.
Como em outras recepções, Sua Alteza Imperial destacou os laços de amizade entre o Japão e o Brasil, desejou prosperidade a todos e encerrou com um “muito obrigado”, em português. Em seguida, acompanhou apresentações artísticas.

Princesa descerrou uma placa comemorativa alusiva à data (Masayuki Fukasawa)
Princesa descerrou uma placa comemorativa alusiva à data (Masayuki Fukasawa)

Antes de deixar Marília, a princesa Mako participou do cultivo de uma muda de ipê-amarelo (árvore símbolo do Brasil) no jardim do Paço Municipal, onde, há 60 anos, o príncipe Mikasa – até então única autoridade da Família Imperial a visitar Marília (hoje dá nome a uma escola municipal de educação infantil na zona Oeste de Marília) – também plantou um pé de ipê. Antes de deixar a cidade rumo à Promissão, ela descerrou uma placa comemorativa do evento em alusão aos 110 anos da imigração japonesa.
O embaixador do Japão no Brasil, Akira Yamada; o cônsul geral do Japão em São Paulo, Yasushi Noguchi; também participaram do evento. Autoridades de Marília como o vice-prefeito Tato Ambrósio e os vereadores José Carlos Albuquerque e Marcos Rezende estiveram na cerimônia, além de do presidente do Nikkey de Marilia, Keniti Mizuno e de Yoshimi Shintaku.

FONTE : JORNAL NIPPAK

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *