Espanha soma 2.182 mortes e supera os 30 mil infectados pela Covid-19

A Espanha atingiu 2.182 mortes pelo novo coronavírus e 33.089 infectados, de acordo com os últimos dados divulgados nesta segunda-feira pelo Ministério da Saúde.

Com esses números, são 462 mortes e 4.517 casos a mais do que na contagem anterior, divulgada ontem, com um aumento diário de 15,8% no número de novas infecções.

Além disso, 2.355 pacientes estão internados em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), enquanto outros 3.355 já foram curados, acrescentou o comunicado.

A passagem de pacientes para UTIs, devido ao aumento da gravidade é “progressivamente reduzida” sobre o número total de hospitalizados, mesmo que o volume esteja aumentando.

São pequenas reduções, mas existe “uma certa esperança de que o problema esteja sendo contido”, disse hoje o diretor do Centro de Alertas e Emergências em Saúde, Fernando Simón, durante entrevista coletiva.

Além disso, mais de 10% dos casos tiveram alta, dados que “nos encorajam”, disse ele, embora também lamentasse que “já temos 3.910 profissionais de saúde infectados”.

Simón acredita que o pico de novos casos “provavelmente” seria atingido ao longo desta semana, mas alertou que “isso não significa que tenhamos resolvido o problema”.

Por outro lado, 60 mil pessoas foram punidas em toda a Espanha por violar as restrições de mobilidade em vigor desde o último dia 15, enquanto outras 600 foram presas por desobediência grave a policiais, disse o ministro do Interior, Fernando Grande-Marlaska.

FONTE : EFE BRASIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *