Guilherme vai igualar marca de Serrão e ser o 14º treinador da história do MAC

Depois de completar recentemente 50 jogos como técnico do Marília Atlético Clube (MAC) em três passagens, Guilherme Alves irá alcançar outra marca importante nesta quarta-feira (dia 25), diante do Botafogo, às 15h, em Ribeirão Preto, pela última rodada da 1ª fase da Copa Paulista. Ele se tonará o 14º treinador da história com mais jogos pelo Alviceleste, ao lado de José Carlos Serrão, com 54 partidas.

“Para mim serão dois momentos muito especiais. O primeiro por ser o 14º técnico da história do clube que me revelou e o segundo por igualar ao Serrão. Ele foi o treinador que me subiu para o profissional ainda muito jovem (18 anos). Só alguém muito corajoso faria o que ele fez em um Campeonato Paulista da Série A-1. Por isso eu tenho comigo que jogador com qualidade não tem idade”, declarou Guilherme Alves.

A reportagem JM também falou com José Carlos Serrão, que ficou feliz ao saber que é o 14º técnico com mais jogos na história do MAC e que fica ainda mais contente por saber que Guilherme o igualará. “Realmente o tempo passa muito rápido e fico orgulhoso em saber dessa minha marca. Em relação ao Guilherme, dei a oportunidade porque vi potencial nele. Sempre foi muito inteligente e aproveitou a chance. Fui eu quem o indicou para o São Paulo na ocasião, pois joguei oito anos lá e o pessoal sempre me pedia indicação de jovens atletas”, lembrou.

Em 1992, em sua primeira passagem pelo Marília, José Carlos Serrão fez o clube voltar ao ‘Grupo A’ (principal) do Campeonato Paulista da Série A-1, com um 5º lugar geral no ‘Grupo B’, em que seis times ‘subiam’. Ele foi ponta-esquerda do Tricolor de 1969 a 1977. Foram 261 jogos e 28 gols marcados. Atualmente com 70 anos, o treinador ainda não pensa em aposentadoria. “Ainda quero trabalhar e nem penso em quando vou parar. Estou sem clube no momento, mas comandei o Sertãozinho no Paulista da Série A-2”, frisou.

Outra marca – Além de chegar amanhã ao posto de 14º técnico com mais jogos pelo Marília, Guilherme Alves também irá alcançar outra marca diante do Botafogo: a de 4º treinador com mais partidas pelo clube na Copa Paulista e igualar a Wanderley Paiva (com 14), que comandou a equipe em 2001, quando a competição ainda tinha o nome de Copa Coca-Cola.

Os três primeiros colocados como técnicos maqueanos na Copa Paulista são: Luiz Cruz (“Bira”) com 27, Paulo Tognasini (25) e Wilson Carrasco (20). Guilherme Alves poderá igualar a 3ª colocação se chegar até a semifinal.

FONTE : JORNAL DA MANHÃ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *