Japão observa 73 anos do fim da Segunda Guerra Mundial

Quarta-feira marcou os 73 anos do fim da Segunda Guerra Mundial no Japão. Milhares de pessoas foram ao ginásio Nippon Budokan em Tóquio honrar os mortos de guerra na cerimônia realizada anualmente no dia 15 de agosto.

Foi a última participação do imperador Akihito e sua esposa Michiko, já que o imperador japonês irá abdicar em abril de 2019.

Cerca de 6.500 pessoas foram prestar homenagem aos mais de 3 milhões que morreram na guerra e exatamente ao meio-dia, foi feito um minuto de silêncio.

Palavras do imperador Akihito: “Ao pensar nos muitos anos e meses de paz após a guerra, reflito sobre o nosso passado e tenho em mente sentimentos de profundo remorso. Espero sinceramente que os horrores da guerra nunca se repitam. Junto com todo o nosso povo, eu agora pago de coração um tributo a todos os que perderam a vida na guerra, tanto em campos de batalha como em outros lugares, e rezo pela paz mundial e pelo contínuo desenvolvimento do nosso país”.

O imperador trabalhou para amenizar cicatrizes de guerra dentro e fora do Japão. Todos os anos desde sua ascensão em 1989, ele faz um pronunciamento neste memorial.

Também o premiê japonês Shinzo Abe prometeu lidar de forma autêntica com as causas do conflito e trabalhar na criação de um mundo no qual todos possam viver em paz.

Palavras do premiê: “Nunca mais iremos repetir a devastação da guerra. Iremos encarar a história com humildade. E seja qual o rumo que o mundo tome, iremos manter firmemente esta promessa”

FONTE : NHK PORTUGUÊS 
   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *