Leílson e Jean Carlos esperam novos exames para voltarem aos treinos no MAC

As presenças do meia Leílson e do atacante Jean Carlos ainda são incertas no Marília Atlético Clube (MAC), para a retomada do Campeonato Paulista da Série A-3, que acontece no dia 19 (sábado), contra o Grêmio Osasco, às 17h, no estádio Bento de Abreu. Ambos estão em fase final de recuperação de suas lesões e no começo da próxima semana serão reavaliados pelo departamento médico.

Chefe do departamento médico maqueano, o ortopedista Marcos Vinícius Muriano disse que os dois têm boas chances de serem liberados para voltar aos treinos com o grupo já na próxima semana.

“O Leílson está bem. Inclusive o examinei nesta quarta-feira (9). Ele teve um estiramento leve do ligamento colateral medial do joelho. Se tudo já estiver bem, na segunda-feira (14) ele começa o treinamento com o grupo, para fazer a parte de condicionamento físico e ficar à disposição do treinador”, explicou.

“O Jean está se recuperando de uma lesão no músculo adutor da coxa. Fez um exame de controle na terça-feira, que mostra uma evolução bem importante, mas ainda tem uma inflamação residual. Na semana que vem irei repetir o exame, provavelmente na segunda-feira. Se ele não tiver mais essa inflamação, eu o libero para os treinos com o elenco”, avisou.

Sobre poderem jogar o duelo contra o Grêmio Osasco, Marcos Muriano disse que a decisão será do técnico Guilherme Alves. “A questão de jogarem ou não a primeira rodada tem a ver com o condicionamento físico. Eles já estão treinando essa parte (trabalhos individuais) desde o início dessa semana. Imagino que não vão precisar de muito tempo para chegarem no nível físico dos demais atletas do grupo”, apontou.

Na semana passada, em entrevista ao programa ‘Com a Bola Toda’, da TV Canal 4, o treinador maqueano já não contava com Leílson para a reestreia e não estava muito esperançoso com a participação de Jean Carlos.

“Muito provavelmente o Jean não estará no primeiro jogo e eu não posso arrisca-lo, pois poderá sentir novamente. Ele só volta agora se estiver 100%. Eu não vou arriscar ninguém, os dois só voltam quando estiverem 100% recuperados. O Leílson tem uma qualidade técnica muito acima da divisão e o Jean Carlos pode fazer até três funções e tem muita personalidade”, declarou.

Surpresas – Guilherme Alves revelou que tem se surpreendido positivamente com alguns atletas do elenco, que em tese, vieram para serem opção de elenco. “Alguns atletas viriam para ser opção. Eu tinha na cabeça quem poderia ser titular, porém alguns jogadores chegaram e estão na frente. Hoje se nada acontecer, tem atleta que veio para ser opção, que iniciaria o jogo, se o jogo fosse já neste domingo (12), mas eu tenho mexido bastante, porque eu tenho cinco substituições no jogo”, mencionou.

O treinador maqueano fez elogios ao meia-atacante Kelvy, um dos remanescentes. Com uma fratura na fíbula da perna esquerda, ainda na pré-temporada (final de dezembro), não chegou nem a treinar com o grupo antes da pandemia.

“Me surpreendi com alguns atletas, não esperava que pudessem alcançar um nível de treinamento tão rápido assim, principalmente alguns que tiveram lesões. Não gosto de falar individualmente, mas o Kelvy me surpreendeu bastante por duas situações. Primeiro porque teve uma lesão séria no começo do ano, não jogou e nem treinou comigo. Se apresentou com um peso muito acima e se recuperou muito rápido. Eu nunca havia visto um atleta perder tanto peso em pouco tempo (percentual de gordura). Está treinando muito bem”

FONTE : JORNAL DA MANHÃ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *