Levantamento mostra que número de centenários ultrapassou 80 mil no Japão

Um levantamento do governo japonês mostra que o número de pessoas com 100 anos ou mais de idade no país ultrapassou os 80 mil pela primeira vez na história.

Dados nesse sentido foram divulgados pelo Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social, com base no Registro Básico de Residente até o dia 1º de setembro. A pesquisa mostra que um total de 80.450 pessoas tinham 100 anos ou mais de idade até a terça-feira. O número aumentou em 9.176 em relação ao ano anterior.

O crescimento anual fez com que o recorde fosse atualizado pelo 50º ano consecutivo. Trata-se do maior aumento desde que dados a respeito passaram a ser compilados em 1963.

Dos centenários, 88%, ou 70.975 pessoas, são mulheres. Os 9.450 restantes são homens.

Em 1963, havia somente 153 pessoas com 100 anos ou mais de idade. Esse número passou de 10 mil pela primeira vez em 1998.

A pessoa mais velha do Japão é Tanaka Kane, de 117 anos, que mora em um asilo na cidade de Fukuoka, no sudoeste do país. O nome de Tanaka também consta no Livro Guinness dos Recordes como sendo a pessoa mais idosa do mundo. Ela diz que a chave para uma vida longa é comer alimentos deliciosos e fazer cálculos matemáticos para manter a mente alerta.

Já o homem mais velho do país é Ueda Mikizo, de 110 anos. Ele mora na cidade de Nara, no oeste do Japão.

FONTE : NHK PORTUGUÊS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *