MAC não terminava um estadual invicto no Abreuzão desde 1994

Depois de 24 anos, o Marília Atlético Clube (MAC) termina uma edição do Campeonato Paulista (de qualquer divisão) sem nenhuma derrota no estádio Bento de Abreu.

Com o empate em 0 a 0 no último sábado (dia 26), diante do Paulista de Jundiaí, pelo primeiro jogo da final da ‘Bezinha’, o Alviceleste encerra 2019 com oito vitórias e seis empates em 14 jogos.

A última vez que o Marília ficou um estadual inteiro sem perder no Abreuzão foi na Série A-2 de 1994. Foram 15 partidas com: sete vitórias e oito empates. Mesmo com a invencibilidade como mandante, o time acabou sendo rebaixado.

Em 2019, além de não ter sido derrotado, a equipe encerrou a participação na 4ª Divisão sem tomar um gol em casa há 679 minutos.

O último gol sofrido foi no empate de 1 a 1 contra o Rio Branco, no dia 26 de julho, que marcou aos 41 minutos do primeiro tempo.

De lá para cá foram sete rodadas sem levar gol no Bento de Abreu. Além do Alviceleste, somente o São José não perdeu nenhuma partida como mandante. O time eliminado nas quartas de final pelo Marília teve seis vitórias e sete empates.

A última derrota do MAC no Abreuzão foi no dia 24 de fevereiro de 2018, pelo Paulista da Série A-3, contra o Atibaia (2 a 1). De lá para cá são 17 jogos com: dez vitórias e sete empates.

Preparação para final

O segundo jogo da final da ‘Bezinha’ acontece neste sábado (dia 2), às 16h, no estádio Jaime Cintra, em Jundiaí. Por ter feito melhor campanha na somatória de todas as fases, o Paulista jogará pelo empate para ficar com o troféu de campeão.

Ontem à tarde, aconteceu a reapresentação do elenco maqueano e somente os atletas que não atuaram na primeira partida, fizeram um trabalho com bola no estádio.

O único desfalque certo para o fim de semana é o zagueiro Gutierrez, que recebeu o terceiro cartão amarelo no empate sem gols. Raphael e Brunão são as opções para o setor.

O técnico Ricardo Costa terá à disposição o volante Matheus Chiclete e o atacante Breno, que cumpriram suspensão. O segundo voltará na vaga de Lucas Souza.

FONTE : JORNAL DA MANHÃ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *