MAC pede volta aos treinos à FPF e anuncia coletiva na próxima terça

Ontem (dia 8), de forma oficial, a diretoria do Marília Atlético Clube (MAC) enviou ofício à Federação Paulista de Futebol (FPF), pedindo a volta aos treinamentos e também uma data prevista de retorno do Campeonato Paulista da Série A-3, já que a divisão de elite foi anunciada para recomeçar no dia 22 deste mês.

“Protocolamos o ofício hoje (ontem), sabendo da convocação da reunião dos clubes da Série A-1 para esta quinta e da A-2 para a próxima semana”, declarou o vice-presidente maqueano, Alysson Alex Souza.

“Assim que iniciou essa semana eu conversei com o presidente da FPF (Reinaldo Carneiro Bastos) e ele disse que haveria novidades da Série A-1 e A-2, para ficarmos atentos. É óbvio que a gente sabe que a realidade dos clubes da A-3 é diferente, mas o Marília se planejou para o que viesse a acontecer e temos seguido à risca tudo a Federação tem nos passado sobre os protocolos de segurança até o retorno. Infelizmente não estamos em uma situação agradável na classificação (vice-lanterna), mas percebemos que podemos ter um retorno diferente, com uma montagem nova do elenco”, frisou o dirigente.

Há algumas semanas, o Alviceleste trabalhava voltar às atividades entre os dias 15 e 22 deste mês.

Sobre a situação de Marília estar na ‘Fase Vermelha’ do Plano São Paulo no combate ao coronavirus, Alysson Souza não acredita que o clube será impossibilitado de treinar e descartou qualquer chance dos trabalhos serem realizados em outra cidade.

“Treinamentos com portões fechados e obedecendo os protocolos de segurança. Não acredito que a prefeitura ou o Governo do Estado nos impediriam de treinar em Marília. A gente não trabalha com a hipótese de treinar e nem de jogar fora de Marília”, afirmou.

Coletiva na próxima terça – Ontem, o vice-presidente do MAC anunciou também uma coletiva de imprensa no estádio Bento de Abreu, para divulgar os atletas contratados e falar sobre o planejamento para a volta da Série A-3.

“Diretoria e omissão técnica vão estar presentes, ainda sem horário definido, mas provavelmente à tarde, entre as 16h e 17h. Vamos anunciar o nome de todos os atletas com pré-contrato, pensando transformar esses pré-contratos em contratos e eventualmente já divulgar a resposta desse ofício da Federação. Talvez até antes de terça, já seja divulgada a data do Conselho Técnico de retorno da A-3”.

O Alviceleste está neste momento com 21 atletas acertados para a continuidade da Série A-3. São dez remanescentes: os goleiros Thiago Moraes, Igor Castro e Felipe Mosquete; o lateral-esquerdo Edu Pina, os volantes Fabrício e Levi; o meia-atacante Kelvy e os atacantes Wellington, Lucas Formiga e Gustavo Nescau, que faz parte da ‘Lista B’, ou seja, não ocupa vaga na listagem principal de 26 nomes permitidas a cada clube.

Dos 11 reforços, seis já tiveram suas identidades reveladas: lateral-direito Everaldo Potiguar (PSTC-PR), zagueiro Moisés Lucas (Novo Hamburgo-RS), volantes Léo Couto (PSCT-PR) e Junior Santos (Macaé-RJ); meia Mossoró (Novo Hamburgo-RS) e centroavante Alison Mira (Novo Hamburgo-RS).

A diretoria ainda negocia com o zagueiro Caio César, de 30 anos, que defendeu o Boa Esporte na 1ª Divisão do Campeonato Mineiro. O atleta já acertou as bases salariais, mas ainda não houve acordo sobre a moradia de sua família. O defensor tem no currículo dois acessos na Série A-3: Votuporanguense (2015) e Rio Preto (2016).

O Marília está na penúltima posição (15º lugar), com 11 pontos e dentro da zona do rebaixamento. Entretanto, o time está somente a três pontos do Desportivo Brasil (8º colocado), última agremiação dentro do G-8 (zona de classificação).

FONTE : JORNAL DA MANHÃ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *