Ministro japonês alerta sobre possíveis restrições adicionais durante estado de emergência

O ministro japonês responsável pelas medidas de combate ao coronavírus alertou sobre restrições adicionais a serem implementadas, caso os esforços presentes de redução do contato social entre as pessoas sejam considerados inadequados ou insuficientes.

Nishimura Yasutoshi fez a declaração durante uma teleconferência com líderes de grandes organizações empresariais, nesta quinta-feira.

Nishimura disse que o governo japonês tem o objetivo de reduzir o contato entre as pessoas em até 80% durante o mês em que ficará em vigor o estado de emergência, declarado na terça-feira. Ele enfatizou a necessidade de cooperação das empresas para reduzir o contato social, permitindo que mais funcionários trabalhem de casa e realizem mais teleconferências.

Nishimura afirmou que autoridades estão analisando diariamente informações de localização de telefones celulares, a quantidade de passageiros nos trens e outros dados disponíveis. Ele acrescentou que se as medidas atuais não obtiverem a meta de 80% de redução de contato social, o governo poderá impor novas restrições.

FONTE : NHK PORTUGUÊS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *