ONG “AMOR DE MÃE” TENTA SE MANTER COM VENDA DE BOLOS E TORTAS POR TELEFONE.

Por Célia Ribeiro

Localizada em uma ampla área arborizada na zona oeste, a “Associação Amor de Mãe” trocou o barulho alegre de quase 400 crianças e adolescentes que atendia, antes da pandemia, pelo silêncio de preocupação diante do futuro incerto. Impossibilitada de realizar os tradicionais eventos de geração de renda, como bingos e jantares, a instituição focou na panificação e confeitaria com venda por telefone.

A panificadora da ONG, construída e equipada pelo Tauste Ação Social, agora é uma das mais importantes fontes de recursos. No início de cada semana, é divulgada a lista de produtos que devem ser encomendados para entrega no sábado: biscoitos, pães, pudins, tortas doces e salgadas, bolos, incluindo os de pote e de aniversário, entre outros.

Devido à boa qualidade e preços acessíveis, como as tortas de limão e maracujá a 15 reais e tortas de frango a partir de 20 reais, a produção tem atraído os compradores, como explicou a presidente Tammy Regina Grippa. Com divulgação pelas redes sociais e WhatsApp, os itens são reservados pelo telefone (14) 991688652.

Conforme registrado pelo JM em reportagem no começo do ano, a “Amor de Mãe” foi uma das entidades mais afetadas pela quarentena porque já tinha programado vários eventos para arrecadação de recursos. Segundo a presidente, dos 20 funcionários contratados, apenas dois continuam trabalhando e os demais tiveram os contratos de trabalho suspensos. Por isso, quem tem ajudado na panificadora são voluntárias e membros da diretoria.

A ONG mantém o atendimento às famílias mais vulneráveis com a doação de cestas básicas e cerca de 120 crianças do ensino fundamental estão recebendo material para desenvolverem atividades educativas em casa, como lápis de cor e palavras cruzadas com o tema do novo coronavírus.

Por outro lado, os demais atendidos que participavam de atividades culturais e esportivas no contra turno escolar, como balé, canto coral, violão, flauta doce, balé, jazz, judô, basquete e futebol, não puderam ser contemplados. Antes da pandemia, os alunos do ensino fundamental também recebiam reforço escolar e acompanhamento de tarefas.

DOAÇÃO

De acordo com Tammy Grippa, como os preços dos produtos ofertados são bem acessíveis, a margem de lucro é pequena. No entanto, tem sido muito importante para custear as guias de pagamento de impostos como o FGTS dos colaboradores, bem como aquisição de cestas básicas doadas às famílias mais necessitadas.

A presidente disse que a comunidade pode colaborar doando matéria prima para a panificadora, como açúcar, farinha de trigo, leite etc. Para saber o que doar ou reservar os produtos que são entregues todo sábado, o telefone de contato é (14) 991688652. O endereço é: Rua João Francisco Nascimento, 320, perto do Residencial San Remo, no Jardim Califórnia. Saiba mais sobre a ONG acessando: http://amordemae.org.br/

Fonte: Reportagem publicada na edição de 14.06.2020 do Jornal da Manhã

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *