Pastores que não conseguem sair da tormenta mental. Sua força é tão grande que bloqueia.

Um estado no qual várias ideias negativas surgem ao mesmo tempo. Sua força é tão grande que bloqueia. É como se o rumo que estávamos seguindo até então desaparecesse do nada. Sentimos como se estivéssemos completamente cercados por pensamentos pessimistas, depressivos.

A tormenta muitas vezes ocorre depois de uma experiência muito forte, como por exemplo a decepção. Ela ocorre depois de uma longa temporada na qual estávamos aguentando várias situações adversas ao mesmo tempo. Um período no qual não nos sentíamos cômodos na vida que estávamos levando, e então chega um momento em que acontece e que desata tudo que estávamos guardando.

O pessimismo se apodera de nós e só sentimos vontade de não fazer nada. De desistir de tudo e ficar ali, apenas existindo. É normal que em algum momento de nossas vidas sucumbamos à tormenta mental. Se ela chega, porém, podemos lutar contra ela.

Quando ela chega geralmente o que fazemos é procurar um refúgio, já que se trata de um fenômeno incontrolável e impossível de encarar. Só podemos nos proteger. Uma vez que estamos em algum lugar seguro, muitas vezes simplesmente a vemos passar. Estamos embaixo da tormenta, mas é como se a estivéssemos olhando de fora, sem sermos afetados.

Este é o melhor momento para pensar se há alguma alternativa para se sentir melhor. O que eu posso fazer para tornar esse momento um pouco melhor?
O que você precisa resolver nesse momento não são todos os seus problemas, você só precisa encontrar um caminho para sair dessa tormenta.

A tormenta às vezes avisam que vão chegar… Outras, chega tão repentinamente nos pegando desprevenidos. É comum ouvir: De repente sobreveio uma verdadeira tormenta sobre a minha vida.

A tormenta que enfrentamos na vida não significa um alerta de que se está fora da vontade de Deus.
Ou seja, mesmo na tormenta Deus está junto. É claro que ninguém deseja viver assim, pois faz parte do ser humano buscar a segurança, uma vida tranquila e imaginada livre de sobressaltos.

Mas creio também que pode haver um elemento de transformação em nosso ser que somente é despertado em meio às tormentas. Quem pode negar que justamente na tormenta não se iniciará um caminho de volta…? E que uma mudança tremenda ocorrerá a partir dali? E que no meio da procela seremos finalmente acordados para a vida?
Estar no centro da tormenta é uma oportunidade para pensar na nossa vida. Se você não O está enxergando em meio a tudo o que está acontecendo, é hora de começar a conversar com Ele.

Foi em meio a  uma noite de fortes ventos, e perigo de morte, que Jesus apareceu aos discípulos andando sobre ás águas:
(Mt 14.26)

Salmos, 107:29
Faz cessar a tormenta, e acalmam-se as suas ondas.

É sempre assim: se estamos em meio à tormenta, ficamos tão apavorados, que nos é difícil perceber a presença de Jesus.

Bem, meus amigos queridos até que ponto temos mantido a tranquilidade diante das circunstâncias difíceis que enfrentamos neste mundo? Aceitar suas decisões como o que de melhor poderia acontecer em nossas vidas ou ainda nos mostramos apressados, buscando nossa própria vontade, mesmo que venhamos a nos arrepender por atitudes equivocadas?

Temos sido cristãos apenas da boca para fora ou o nosso coração confia realmente em Cristo como Senhor de nossas vidas?  Como filhos de Deus, temos obedecido à sua Palavra ou a buscamos apenas quando estamos em apuros e precisando de um socorro urgente?

Quando o Senhor está em nosso coração, experimentamos calma nas horas boas e más.
O que faz a diferença é Deus. Nada mais importa se eu ponho minha confiança nEle.

Para mais informações:
E-mail: ccpsp2018@gmail.com
WhatsApp: 14988056852
Celular: 14981003557

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *