“Pode chamar quem quiser, sou branca”, diz mulher acusada de racismo em shopping de SP

Mulher teria chamado um segurança de “macaco” momentos antes de o vídeo começar a ser gravado; caso ocorreu em São José dos Campos
Um vídeo que viralizou nas redes sociais mostra uma mulher branca em uma situação de racismo. Nas imagens, a autora do vídeo diz que iria chamar a polícia após a mulher ter ofendido um segurança negro em um shopping de São José dos Campos, no interior de São Paulo. Em seguida, a cliente responde: “Pode chamar quem você quiser, eu sou branca”.

O caso aconteceu na quarta-feira (8). Ao jornal Extra, testemunhas relataram que a mulher chamou o segurança de “macaco” momentos antes de começar a gravação.

“Ele (o segurança) me disse: ‘Moça, ela está me xingando desde lá do banheiro, me chamando de macaco, de sujo’. Eu abri a câmera e falei ia chamar a polícia, daí ela disse aquilo”, explicou a autora das imagens, Talita Vilani, ao jornal.

A Polícia Militar (PM) foi acionada, mas a mulher – que ainda não foi identificada – não estava mais presente no local.

Em nota publicada nas redes sociais, o Vale Sul Shopping disse que “concentrou esforços para colaborar com a apuração dos órgãos competentes”.

“O funcionário da nossa equipe que sofreu a injúria está recebendo todo suporte do shopping, contando inclusive com nosso apoio jurídico”, afirmou, acrescentando que o “Vale Sul repudia toda e qualquer forma de racismo”.

LINK PARA O VÍDEO ABAIXO:

DENUNCIA! Aos gritos, a mulher no vídeo abaixo agrediu um segurança do Vale Sul Shopping, chamando-o de "macaco". Diante da ameça de chamarem a polícia, ela responde, "pode chamar, eu sou branca!".É sobre impunidade, racismo não é falta de educação é relação de poder. Essa racista precisa ser identificada e responsabilizada urgentemente. BASTA DE RACISMO!!!Vídeo: Talita Vilani

Publicado por Ingrid de Sá em Quinta-feira, 9 de julho de 2020

FONTE : MNS BRASIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *