Prefeito de cidade de Okinawa devolve salário integral em prol da batalha contra o coronavírus

Soube-se na quinta-feira (16) que estão sendo feitos ajustes administrativos para o corte integral do salário do prefeito da cidade de Urasoe (Okinawa), para atender ao próprio pedido na terça-feira (14).

A justificativa do prefeito Tetsuji Matsumoto é de colaborar com o seu povo que está sofrendo economicamente pelos efeitos do novo coronavírus, portanto os 904 mil ienes serão destinados a isso.

A inspiração veio do vereador Katsumasa Higa e da associação dos voluntários da cidade para fazer um corte no salário.

“Me simpatizei com a proposta dos voluntários do conselho da cidade pois o político precisa se colocar no lugar do outro em situação angustiante”, disse. Enfatizou que há muitas pessoas passando necessidade agora.

O período de tempo que o prefeito fará isso não foi informado e que a cidade precisa revisar a lei para tal ato, por isso, ele pode dividir esse valor de 904 mil ienes e devolvê-lo em parcelas. 

É a primeira vez que um prefeito da província de Okinawa faz isso.

Até quinta-feira (16) na província de Okinawa são 95 casos, com 1 morte e 7 recuperados. As ilhas vivem basicamente do turismo e com a crise do novo coronavírus a população que trabalha nesse segmento está amargando o desemprego. 

FONTE : PORTAL MIE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *