Prefeitura apresenta balanço da estratégia casa a casa para garantir testes para Covid-19 e vacinação contra a Influenza

Nesta terça e quarta-feira foram aplicados 19 testes para Covid-19 em pessoas sintomáticas e 124 doses de vacinas contra a gripe

A Prefeitura de Marília, por determinação do prefeito Daniel Alonso e por meio da Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica e Sala de Vacina, apresentou o balanço dos dois primeiros dias de trabalho da estratégia casa a casa, que tem o objetivo de garantir acesso à prevenção de patologias com a vacinação e também a realização de teste para Covid-19 na população sintomática respiratória. Além da vacina e do teste há também a entrega de máscara de proteção facial.

Nestes dois primeiros dias da estratégia casa a casa, foram vacinadas 124 pessoas contra a Influenza, sendo 38 crianças de seis meses a menores de seis anos; cinco gestantes; uma Puérpera (Parturiente com menos de 45 dias); 18 idosos; 25 adultos de 55 a 59 anos de idade; 35 pessoas com comorbidades (doenças pré-existente) e dois caminhoneiros.

Também foram realizados 19 testes de COVID-19 em pacientes sintomáticos respiratórios, que apresentaram resultados não reagentes (negativos).
Todos os pacientes receberam orientações quanto aos sinais e sintomas de Covid-19 e as unidades mais próximas que estão atendendo pacientes com sintomas respiratórios (UPA, USF Santa Antonieta II e USF Liliana).

A estratégia casa a casa nesse primeiro momento estará presente nos bairros Marina Moretti (580 famílias), Primavera, Parque das Nações, Jardim Renata, Trieste Cavichioli, Vila Barros, Argolo Ferrão, Toffoli, Vila Real, Nova Marília III e IV e Altos do Nova Marília.
Esta ação que começou na terça-feira (23) e terá continuidade para outras áreas de vulnerabilidade social, a fim de garantir o acesso à vacinação contra a gripe e também a realização de teste para Covid nessa população sintomática.

Para que essa estratégia de busca, identificação e vacinação dos grupos prioritários para receber a vacina contra a Influenza foram disponibilizadas dois enfermeiros, cinco auxiliares de enfermagem e um agente comunitário de saúde da UBS Santa Antonieta; e para testagem de Covid-19 haverá um enfermeiro e dois técnicos de enfermagem.

Quanto à logística com materiais e transporte, a equipe da Sala de Vacina Central se organizou para que tudo seja feita com a máxima segurança, para todos.

A supervisora da Vigilância Epidemiológica, Alessandra Arrigoni Mosquini, voltou a destacar a importância do apoio da população nessa estratégia e no combate à pandemia. “A população precisa entender que o uso de máscara de proteção facial, a higienização das mãos com álcool em gel, e evitando aglomerações e saindo de casa somente para o estritamente necessário e tomando todos os cuidados recomendados pelos órgãos de saúde é muito importante no combate ao Covid-19. Essa estratégia casa a casa vai chegar aos bairros mais distantes e novamente o apoio da população será primordial para o sucesso dessa ação.”

“Mesmo antes do primeiro caso em Marília, estamos trabalhando para traçar estratégias de combate ao Coronavirus em nossa cidade. Esta é mais ação importante neste combate e também para ampliar a vacinação daquelas patologias que podem ser prevenidas. Seguiremos sem medirmos esforços para que a nossa cidade continue tendo um dos melhores índices de todo o Estado no enfrentamento à Covid-19”, disse o prefeito Daniel Alonso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *