Templo Kiyomizu anuncia o kanji de 2018: 災

Seihan Mori, o abade principal do templo budista Kiyomizu, situado em Quioto (província homônima), anunciou o kanji do ano 2018, na quarta-feira (12).

O escolhido foi o , lê-se sai e azawai, o que significa acontecimentos desagradáveis.

O abade escreveu o ideograma, a carvão, sobre uma folha de washi – papel tipicamente japonês – de 1,5m por 1,3m em uma cerimônia. E explicou o motivo da escolha.

O ano foi marcado pelos desastres da natureza, como as enchentes provocadas pelo tufão e os terremotos, os quais provocaram vítimas e desabrigaram pessoas.

Há várias formas de escrever situações e acontecimentos ruins usando esse kanji:

  • 火災 (kasai), incêndio
  • 震災 (shinsai), terremoto
  • 人災 (jinsai), calamidade provocada pelo ser humano
  • 被災 (hisai), desastre ou aflição
  • 防災 (bosai), prevenção de desastres
  • 罹災 (risai), sofrimento ou aflição

Esse foi o último ideograma da era Heisei, a qual está se findando.

FONTE : PORTAL MIE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *