Vietnamita encaminhada para a promotoria pelo uso de bicicleta motorizada

Suspeita de infringir a lei de trânsito o Departamento de Polícia Metropolitana informou na quinta-feira (24) que encaminhou uma estudante vietnamita, 23 anos, para a promotoria.

A estudante de uma escola técnica, residente em Fussa (Tóquio), já tinha sido advertida anteriormente. A polícia cortou o cabo ligado ao acelerador para não infringir a lei.

Mas, em outra ocasião foi pega novamente usando a aparente bicicleta, a qual é um ciclomotor, depois de emendar o cabo.

Ao ser levada para a delegacia confessou “é mais tranquilo, então continuei usando”. Ela não tinha carta de habilitação, tampouco tinha colocado placa no seu ciclomotor, por isso foi encaminhada para responder na justiça.

A bicicleta com pedal e motorizada é bem mais barata do que a assistida pelo motor, o que facilita a compra. A primeira requer licença enquanto a outra não. A polícia planeja reforçar a repressão no futuro próximo, informou.

FONTE : PORTAL MIE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *